Está aqui

Ronda - Há 25 anos que é assim!

Voluntários da Legião da Boa Vontade equipados com o colete amarelo, avistado e identificado à distância. Na frente, um coração, mas não um simples coração

Já há 25 anos que todas as sextas e sábados à noite, um grupo se junta nas instalações da LBV, primeiro na cidade do Porto e depois em Lisboa, para realizarem aquilo que uns consideram um compromisso, outros uma terapia e muitos, uma missão.

Para alguns, é o prolongamento de um dia de trabalho que continua pela noite dentro. Desta feita, uma jornada sem hora para terminar, com atividades que podem ser iguais, rotineiras, ou, pelo contrário, repletas de acontecimentos surpreendentes!

São os VOLUNTÁRIOS DA LEGIÃO DA BOA VONTADE, equipados com o colete amarelo, avistado e identificado à distância. Na frente, um coração, mas não um simples coração. Cada elo encaixa na perfeição no elo seguinte, formando uma corrente forte. É assim o trabalho da LBV: firme, coerente, sempre com alguma finalidade, coeso.

Lucas Lavareda Silva
Entrega de comida para os sem abrigo.

As funções são atribuídas previamente a cada membro da equipa. Motorista/Chefe de equipa, responsável pela sopa, o responsável pela distribuição dos kit’s…. cada um sabe na perfeição o papel que lhe cabe desempenhar. Há, no entanto, uma tarefa comum a todos eles: o escutar, o saber ouvir e, se necessário, orientar o ser humano que naquela noite quiser falar.

Depois das sandes feitas, do leite com chocolate pronto, da carrinha carregada… uma prece. Simples mas sincera. Ecuménica. Pede-se proteção e intuição para saber agir da melhor forma, nas situações mais inusitadas.

Lucas Lavareda Silva
Aurora Cunha e Voluntarios com preparativos, para a Ronda da Caridade.

Nas paragens que se sucedem, todos, pelo menos os que já são veteranos, são tratados pelo nome. A boa disposição nem sempre é uma constante, mas o voluntário da LBV consegue desanuviar o ambiente e, após a distribuição da sopa, do kit e da roupa solicitada, já há abertura para “dois dedos de conversa”. Perguntam por outros voluntários que dizem já não ver há algum tempo. Respondem-lhes que há muita gente a querer ajudar, pelo que há que dar oportunidade às várias equipas. Ficam felizes. Sorriem. A noite está ganha.

Há 25 anos que é assim, de forma ininterrupta.

A Ronda da Caridade da Legião da Boa Vontade, cresceu. Atingiu a sua maturidade.

Parabéns LBV!

Parabéns valorosos voluntários!

Lucas Lavareda Silva
Aurora Cunha e Voluntários que colaboraram no 25º aniversário da Ronda da Caridade.